quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Limpeza de Páscoa na cave

Como já vos tinha tinha, desde segunda-feira estou enfiada na cave a destralhar a secção escritório/arrumos/atelier. Nem parece o mesmo.
Há duas coisas que me têm ajudado: a técnica pomodoro (que descobri no blog da Sara e da Rita e da ) e a dica da Sara aquiaqui, aqui e aqui.
Confesso que tenho adaptado o método SCA e que misturo um pouco, e acabo por categorizar e armanezar ao mesmo tempo que simplifico. 
O espaço estava assim, depois de ter recolhido tudo o que andava perdido por casa. Concentrei tudo numa mesma zona, pois precisava de muuuuuuuuuito espaço para mover os móveis (tive que tirar tudo de dentro, ou era impossível mudá-los de lugar).
Durante sim, ainda não está terminada. Prometo publicar o "Depois".
Até parece que com menos tralha entra mais luz hihihi (eu sei tenho mais 2 lâmpadas ligadas).
(de)Organizei tudo em caixas e montes. 
Depois de ter colocado os móveis como quis, encostei os montes às paredes.
Pego numa de cada vez e com o caixote do lixo ao pé de mim, e toca a destralhar.
Como defini previamente os espaços, o que tem lugar, vai directamente para o seu armário (mesmo que não arrumado).
Também marquei "cantinhos" para onde vão coisas que precisam de uma atenção especial: 
  • documentação para arquivar
  • dossiers que na maioria vai tudo para o lixo
  • livros para dar (com a porcaria do acordo ortográfico, os novos programas de português e matemática, e nova TLEBS (terminologia linguística para o ensino básico e secundário) a maioria perdeu o interesse
  • e o melhor: as caixas que vão ficando vazias :)

Também estabeleci um "canto" para as coisas que têm lugar noutros sítios da casa: da sala, das miúdas...
No meio disto tudo, imaginem só, fui encontrar uma série de K7, algumas com mais de 20 anos. 
Só mais uma dica. O que me tem ajudado a manter o ritmo é trabalhar ao som desta rádio. Não há nada como os anos 80.
Tenho que ir, já cheguei aos 25 minutos da task do Pomodoro.


1 comentários:

Sara * disse...

Pode ser ainda um "durante" mas já se vê uma diferença tão grande quando comparado com a situação inicial! Adorei o post e obrigada pelas referências :)

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...